Ir para o conteúdo. Ir para a navegação
Agenda Fórum Chat Mapa do Portal Fale Conosco Busca
 
Usuários ou organizações
Ainda não é cadastrado?
Esqueceu sua senha?
Catálogo Social da Bahia
 
Galeria de Fotos
 
Atividades de Extensão
 
Pesquisas
 
Biblioteca
 
Glossário
 
Modelos de Documentos
 
Mapoteca CIAGS
 
Legislação
 
Sites Relacionados
 
Utilidade Pública
 
Rádio Social
 
Sala de Imprensa
 
Informe seu e-mail
HTML Texto
Que tipo de informação você considera mais importante ao visitar o site?
Agência CIAGS de Notícias (sobre o CIAGS)
Agenda de Eventos
Clipping (notícias sobre gestão social)
Publicações Recomendadas
Vídeos
 
Home » Notícias » Clipping Gestão Social » CNPQ e MINC abrem edital para pesquisadores da área de Economia Criativa
 
Ações do documento

CNPQ e MINC abrem edital para pesquisadores da área de Economia Criativa

Data: 30/09/2013

Desde 26 de setembro está aberto o edital de Chamada pública para a seleção dos projetos de pesquisa na área da Economia Criativa que vão receber o apoio financeiro estabelecido pelo Termo de Cooperação entre o Ministério da Cultura (MinC) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Cada projeto selecionado receberá um financiamento de até R$ 50 mil e as propostas poderão requerer recursos para gastos a título de custeio, capital e bolsas.  As inscrições são feitas na plataforma Carlos Chagas, no portal do CNPq, e poderão ser realizadas até 9 de novembro.

Ao todo serão distribuídos R$ 2,5 milhões, valor oriundo do orçamento da Secretaria da Economia Criativa (SEC) do Ministério da Cultura.  O Termo de Cooperação firmado com o CNPq é uma das iniciativas da SEC/MinC para consolidar e expandir a temática no País e promover sua difusão por meio do Observatório Brasileiro da Economia Criativa (OBEC) e dos Observatórios Estaduais. Os projetos devem contribuir para o desenvolvimento científico e tecnológico e para a inovação dos segmentos criativos.

Podem candidatar-se pesquisadores vinculados a universidades públicas e confessionais que se enquadrem nos seis eixos temáticos definidos pela SEC: 1 - Marcos Legais para a Economia Criativa Brasileira (tributários, trabalhistas, previdenciários e administrativos); 2- Empreendedorismo cultural e criativo; 3 - Territórios criativos (Arranjos Produtivos Locais (APLs), cidades, bairros, polos etc.); 4 - Associativismo, cooperativismo e autogestão de empreendimentos e profissionais criativos; 5 - Capacitação técnica e gerencial dos profissionais e empreendimentos criativos; 6 - Inovação em cultura.

Os eixos temáticos das pesquisas devem estar articulados com as seguintes expressões do campo Cultural: Patrimônio Cultural; Arquivologia; Museus; Artesanato; Culturas Populares; Culturas Indígenas; Culturas Afro-brasileiras; Artes Visuais; Arte Digital; Dança; Música; Circo; Teatro; Audiovisual; Livro; Publicações e Mídias Impressas; Leitura e Literatura; Moda; Design; Arquitetura e Urbanismo; Gastronomia Regional e Turismo Cultural.





Fonte: MINC/CNPQ
por Rodrigo Maurício última modificação 04/10/2013 15:13
 

2003-2005 © CIAGS/UFBA. Todos os direitos reservados. Autorizada a publicação do conteúdo
deste site em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, desde que citada a fonte.

Este site foi feito usando a Linguagem de Programação Python.      Este site foi feito usando o Servidor de Aplicações Zope.      Este site foi feito usando o Sistema de Gerenciamento de Conteúdo Plone.      Não às patentes de software!